Atenção às calúnias!

0
112

Face ao sucesso crescente que a luta contra o amianto escolar tem tido na última semana (desde o início da greve) temos recebido informações de alguns associados que, nas suas escolas, há direcções escolares a tentar intimidar trabalhadores de aderir à greve contra o amianto por suposta ilegalidade desta. Tal situação configura uma grave obstrução ao exercício legítimo e constitucional do direito à greve, como tal está legalmente previsto a sua severa punição.
Todos os trabalhadores das escolas, independentemente de serem sócios do S.TO.P., que sejam intimidados de alguma forma de aderir à greve devem informar-nos para s.to.p.sindicato@gmail.com

O certo (e é isso que incomoda os vários poderes instituídos) é que já pelo menos em 3 escolas, os trabalhadores (funcionários, professores, psicólogos e técnicos) organizaram esta greve (fechando as escolas) e obviamente não houve qualquer problema. E já estão previstas mais escolas fecharem devido à greve nos próximos dias.

ATENÇÃO o amianto (apesar da narrativa e a passividade de alguns) é um assunto demasiado sério/perigoso para o continuarmos a arrastar ao longo do tempo e à custa da nossa saúde e dos nossos alunos. É a própria Organização Mundial de Saúde que diz que não há um valor mínimo a partir do qual o amianto deixe de ser cancerígeno.

ATÉ QUANDO AGUENTAREMOS PASSIVAMENTE ESTA SITUAÇÃO INSUSTENTÁVEL POR NÓS E PELOS NOSSOS ALUNOS?