2019 as lutas que nos esperam: JUNTOS SOMOS MAIS FORTES!

0
570

Desde a sua constituição, o Sindicato de Tod@s @s Professor@s (S.TO.P.) tem tentado ser a voz das preocupações mais expressivas da classe docente. O verão de 2018 provou-nos a todos que, quando a classe está minimamente mobilizada, o tamanho não é desculpa para virar as costas à luta, tendo o S.TO.P. ousado cumprir o que milhares de professores tinham expressado em várias sondagens. Com o crescimento que todos desejamos em 2019, poderá ser possível ao S.TO.P. ajudar em vários combates que nos esperam durante os próximos meses, nomeadamente:

RECUPERAÇÃO INTEGRAL DO TEMPO DE SERVIÇO 9A 4M 2D (continuando a juntar forças na Iniciativa Legislativa de Cidadãos (ILC), em manifestações, greves enérgicas, etc);

CONTRA O AMIANTO NOS EDIFÍCIOS ESCOLARES (continuando a juntar forças com a SOS AMIANTO e com quem quiser ajudar a defender a saúde de todos os que trabalham nas escolas – alunos, funcionários, psicólogos e professores);

PROFESSORES LESADOS NOS DESCONTOS DA SEGURANÇA SOCIAL (continuar a juntar forças pelo direito aos trinta dias para efeitos de reforma e subsídios);

REPOSICIONAMENTO” DOS PROFESSORES VINCULADOS ANTES DE 2011 (professores do quadro com o mesmo tempo de serviço terão de ser posicionados no mesmo escalão dos colegas vinculados depois de 2011, sem prejuízo de nenhum professor);

PROCESSOS JUDICIAIS CONTRA O ME E ALGUNS DIRETORES (contra várias ilegalidades ocorridas durante a greve às avaliações e/ou impugnando a portaria de agosto de 2018);

Em algumas destas lutas e também para ajudar no apoio a sócios temos uma parceria com um dos melhores escritórios de advogados do país (Garcia Pereira & Associados).

Como só recebemos financiamento dos nossos associados, quantos mais colegas se juntarem ao S.TO.P. melhores condições teremos para lutar por estas e outras causas justas (contra a precariedade e o envelhecimento docente, a farsa das metas de sucesso escolar e a burocracia antipedagógica, pela gestão escolar democrática, por concursos mais justos, e agora pela recuperação do regime da Caixa Geral de Aposentações para todos os docentes, etc).

Adere ao S.TO.P. e traz as tuas ideias/propostas para juntos FAZERMOS O QUE AINDA NÃO FOI FEITO em defesa de quem trabalha nas escolas: “SOU APENAS MAIS UM, MAS JUNTOS SOMOS UM EXÉRCITO”.

Adere ao S.TO.P. no nosso site: http://sindicatostop.pt