Ponto da situação da greve e denúncia permanente

Um sindicato docente não pode, nem quer ir férias, pelo menos no estado atual da dignidade da profissão docente!

Para além do acompanhamento dos elaborados processos jurídicos em curso – Providências Cautelares às duas notas informativas e processo conjunto contra o Estado -, continuamos incessantemente a denunciar junto da comunicação social a GREVE e as AÇÕES ILEGAIS do ME/Dgeste para travar esta luta histórica dos professores portugueses.

E sim, STOP ao ME, JUNTOS CONTINUAMOS MAIS FORTES!

Porto Canal: aqui

Sic:

Greve em TODAS as notícias

Colegas, hoje a nossa justa luta abriu TODOS os serviços noticiosos e marcou vários periódicos!

E a palavra foi de TODOS: Das frases do ministro centeno, aos partidos, de quem suspendeu e de quem continua a GREVE!

– SIC notícias: https://www.youtube.com/watch?v=uPkRpedjDiE&feature=youtu.be

– Porto Canal: aqui

– Expresso: http://expresso.sapo.pt/…/2018-07-23-O-ministro-Centeno-tem…

– Público: https://www.publico.pt/…/sindicato-de-professores-que-mante…

– Diário de Notícias: https://www.dn.pt/…/professores-do-stop-acusam-centeno-de-t…

 

Publicaremos as restantes reportagens (RTP…)

Denúncia na comunicação social e publicações de seguida

Denúncia nas reportagens, ontem da RTP, SIC e TVI e, hoje, entre outras TVI24 (aqui), jornal da noite da SIC.

Lembramos que publicaremos de seguida:

  • Resposta a enviar aos diretores informando a ilegalidade da nota (como resposta ao email que todos recebemos e/ou entregando nos serviços administrativos);

 

  • Texto para a ata, caso as reuniões se realizem de forma ilegal (sem todo o CT presente, por motivos de greve);

 

  • Minuta para, caso seja necessário, salvaguardar o direito às férias.

 

Continuamos juntos e JUNTOS SOMOS + FORTES!

 

A resposta começou pelos MEDIA e publica-se de seguida

Algumas Reportagens ontem RTP, SIC, TVI (em baixo) e, hoje, TVI 24 (http://sindicatostop.pt/tvi24/).

Relembramos que hoje, em breve,  publicaremos:

A resposta à nota informativa a apresentar aos diretores (como resposta ao email que todos recebemos, ou ainda, nos próprios serviços administrativos da escola/agrupamento).

– O texto a deixar em ata nos CT que se realizem;

– Uma minuta de reclamação, se necessário, para a questão das férias.

Continuamos juntos e JUNTOS SOMOS + FORTES!

 

 

A GREVE continua!

O S.TO.P. à frente de mais duas Escolas (Filipa de Lencastre em Lisboa) e da AERT (Porto) onde a greve continua (das cerca de 200 escolas em todo o país):

“Há dinheiro para as parcerias público privadas, há dinheiro para as reformas vitalícias dos políticos (com direito a retroativos)…. E nós não estamos a pedir aumentos salariais, nem retroativos, estamos a pedir simplesmente que nos contem O TEMPO DE SERVIÇO QUE EFETIVAMENTE PRESTÁMOS NAS NOSSAS ESCOLAS“.

JUNTOS SOMOS + FORTES!

Difusão da Greve

O papel da Comunicação Social:

Hoje conseguimos reportagens na SIC notícias (anexo), TVI, RTP (jornal da tarde) e Porto Canal.

Difundiremos diariamente, a greve HISTÓRICA (já é a mais longa) de todos os colegas que continuam a defender a DIGNIDADE e os DIREITOS da classe, dos ataques que nos fizeram chegar até ESTE PONTO (tempo de serviço, precariedade, concursos injustos…) e dos que se SEGUIRÃO (municipalização, alterações ao ECD e CT…)!

Somos professores e continuaremos dar o EXEMPLO de cidadãos ativos democraticamente num Estado de Direito.

A verdade sobre as exigências dos professores

“OS PROFESSORES NÃO ESTÃO A EXIGIR AUMENTOS SALARIAIS, NEM RETROATIVOS, NEM QUE O TEMPO DE SERVIÇO CONTE JÁ PARA AMANHÃ. APENAS EXIGIMOS QUE CONTEM 100% DO TEMPO DE SERVIÇO QUE EFETIVAMENTE TRABALHÁMOS!”

O S.TO.P. na SIC ontem numa escola onde a greve continua a 100% desde 4 de junho.

Esta sexta-feira, 6 de julho, às 10h, à frente do parlamento em DEFESA da LIBERDADE/DEMOCRACIA na ESCOLA PÚBLICA (com participação e intervenção do Professor Santana Castilho).

Colegas, apareçam e partilhem!
JUNTOS SOMOS + FORTES!

"OS PROFESSORES NÃO ESTÃO A EXIGIR AUMENTOS SALARIAIS, NEM RETROATIVOS, NEM QUE O TEMPO DE SERVIÇO CONTE JÁ PARA AMANHÃ. APENAS EXIGIMOS QUE CONTEM 100% DO TEMPO DE SERVIÇO QUE EFETIVAMENTE TRABALHÁMOS!"O S.TO.P. na SIC ontem numa escola onde a greve continua a 100% desde 4 de junho.Esta sexta-feira, 6 de julho, às 10h, à frente do parlamento em DEFESA da LIBERDADE/DEMOCRACIA na ESCOLA PÚBLICA (com participação e intervenção do Professor Santana Castilho).Colegas, apareçam e partilhem! JUNTOS SOMOS + FORTES!

Pubblicato da S.TO.P su Mercoledì 4 luglio 2018

Conferência de imprensa na Assembleia

Esclarecimento:
Conferência de imprensa do S.TO.P. à frente do parlamento dia 15 de junho:

– Como é do conhecimento de todos, o S.TO.P., a pedido de colegas do norte, tentou marcar greve à componente letiva dia 15 de junho para equacionar a possibilidade da realização de um protesto de professores nesse dia à frente do parlamento;

– Isso legalmente não foi possível, logo considerámos que, infelizmente, não existiam condições para marcar um protesto/manifestação em nome do S.TO.P. (por isso não fizemos qualquer cartaz nesse sentido), mas sim uma conferência de imprensa de manhã;

– Naturalmente sabendo que colegas do norte estariam mais tarde à frente do parlamento estivemos, como sempre, ao seu lado. UM POR TODOS E TODOS POR UM!

Esclarecimento:Conferência de imprensa do S.TO.P. à frente do parlamento dia 15 de junho:- Como é do conhecimento de todos, o S.TO.P., a pedido de colegas do norte, tentou marcar greve à componente letiva dia 15 de junho para equacionar a possibilidade da realização de um protesto de professores nesse dia à frente do parlamento;- Isso legalmente não foi possível, logo considerámos que, infelizmente, não existiam condições para marcar um protesto/manifestação em nome do S.TO.P. (por isso não fizemos qualquer cartaz nesse sentido), mas sim uma conferência de imprensa de manhã;- Naturalmente sabendo que colegas do norte estariam mais tarde à frente do parlamento estivemos, como sempre, ao seu lado. UM POR TODOS E TODOS POR UM!

Pubblicato da S.TO.P su Lunedì 18 giugno 2018

Greve na RTP, SIC e TVI

Professores em LUTA conseguem o fim do apagão/bloqueio televisivo!
A luta está VIVA e TELEVISIVA!

Ontem à noite e hoje, estivemos presentes nos serviços noticiosos e, todo país, ficou a conhecer inequivocamente a nossa justa luta e as manobras ilícitas do ME.

Fica o registo da RTPSIC e TVI (obrigado ao colega pelo envio).

Estamos confiantes e unidos!