Na CAPA do DN: Qualidade do ar e a pandemia nas Escolas

0
71
O S.TO.P. voltou a defender a importância fulcral da redução do número de alunos por turma – não apenas para melhorar a qualidade do ar nas salas, diminuindo o risco de propagação de doenças -, mas também para permitir melhores condições para a recuperação de aprendizagens (tantas vezes prometida pelo governo).
 
O S.TO.P. voltou a denunciar que há muitas Escolas onde o abrir as janelas piora ainda mais o desconforto térmico (por exemplo frio) prejudicando severamente a qualidade das aprendizagens das nossas crianças e jovens.
NÃO DESISTIMOS de denunciar estas e outras realidades incómodas e convidamos os responsáveis do ME a virem conhecer as Escolas do país real (e não as criteriosamente escolhidas para aparecerem nas suas visitas mediáticas).
 
Artigo completo do DN de 26 agosto aqui: