Profissionais da Educação SEM DIREITO À VACINAÇÃO?

0
270

Colegas, temos recebido denúncias de Profissionais de Educação que, reunindo as condições consideradas normais e contrariamente a outros colegas nas mesmas circunstâncias, não estão a ser chamados para a vacinação (mesmo após avisarem os seus superiores).

Pedimos a todos os que se encontrem na situação descrita que nos enviem uma mensagem para: S.TO.P.SINDICATO@GMAIL.COM com o assunto “Ainda não fui chamado para ser vacinado” com os seus dados (nome completo e Escola onde trabalha).

O S.TO.P. continuará a alertar as entidades competentes para que atuem rapidamente no sentido de corrigir estas situações e, também, estamos a avaliar com esses colegas outro tipo de ações. A defesa da saúde pública deve ser uma batalha de todos nós e podia ser qualquer um de nós nesta situação injusta: UM POR TODOS E TODOS POR UM!

NOTA IMPORTANTE: O S.TO.P. também questionou as entidades competentes sobre que tipo de medidas estão a tomar face à situação de vacinação inaceitável que se está a viver nos Açores (onde contra todas as regras, cidadãos estão a ser vacinados sem marcação e nomeadamente os Profissionais de Educação continuam por vacinar).