Reunião de “negociação sindical” com o ME a 7 de novembro

0
367
Colegas, o Ministério da Educação convocou-nos para uma reunião de NEGOCIAÇÃO SINDICAL, a realizar no dia 7 de novembro sobre:
1. Alteração dos atuais Quadros de Zona Pedagógica;
2. Procedimentos de apuramentos de necessidades com vista à apresentação de propostas de gestão e regras do novo processo de recrutamento docente.
 
Desde já reafirmamos que relativamente:
1.à alteração dos atuais Quadros de Zona Pedagógica (QZP), os colegas QZP nunca possam ser prejudicados (ou seja, cada professor terá que concordar com a mudança da sua situação);
2. às propostas de gestão e regras do novo processo de recrutamento docente, deve prevalecer a graduação profissional para evitar ultrapassagens e critérios altamente subjetivos com base em “perfis” (para professores do quadro e contratados).
 
Voltaremos também a exigir ao ME que marque com urgência reuniões negociais relativamente a questões urgentes para quem trabalha nas escolas (por exemplo avaliações injustas e com quotas, desvalorização salarial por exemplo relativamente aos técnicos superiores da função pública, fim da gestão democrática, aumento do trabalho burocrático, lesados da SS, ultrapassagens, passagem involuntária da CGA para SS, roubo no tempo de serviço, situação dos professores em monodocência, quotas de acesso ao 5.º e 7.º escalões, etc).
 
ENQUANTO NÃO SE RESOLVEREM ESTAS INJUSTIÇAS SERÁ IMPOSSÍVEL ATRAIR MAIS E MELHORES PROFISSIONAIS PARA TRABALHAR NAS ESCOLAS o que manifestamente tem prejudicado muito milhares de crianças/jovens.
TODOS os docentes que queiram apresentar PROPOSTAS (sobre as temáticas desta reunião) poderão enviá-las por EMAIL (com o Assunto: Propostas reunião ME novembro), até dia 2 novembro (inclusive) para: S.TO.P.SINDICATO@GMAIL.COM
Como sempre, tentaremos continuar a dar VOZ ÀS ESCOLAS!
A PARTILHAR com mais colegas.
 
NOTA IMPORTANTE: relembramos que, legalmente, apenas o ME pode convocar os sindicatos para reuniões e sobre os temas que entender. O S.TO.P. desde há muito que solicita reuniões com o ME sobre vários problemas/injustiças que se arrastam há demasiado tempo e que prejudicam quem trabalha (e estuda) nas escolas mas, até hoje, nunca aceitaram reunir sobre essas temáticas.