S.TO.P. CONVIDA OUTROS SINDICATOS PARA JUNTAR FORÇAS PELA SAÚDE PÚBLICA

0
164

O S.TO.P. demonstra pela prática que, em DEFESA DO SUPERIOR INTERESSE DA SAÚDE DE TODOS que trabalham nas escolas, tenta mais uma vez, sem qualquer sectarismo, JUNTAR FORÇAS.

Como é público, o S.TO.P. desde o seu início nunca teve receio de JUNTAR FORÇAS em lutas pela defesa de quem trabalha nas Escolas (independentemente de quem tomou a iniciativa). Isso foi evidente nomeadamente na Iniciativa Legislativa Cidadã impulsionada por colegas para a contagem de todo tempo de serviço docente (onde o S.TO.P. foi o único sindicato a apoiar), nas lutas dinamizadas pelos colegas lesados da Segurança Social (onde o S.TO.P. nas primeiras 4 iniciativas foi o único sindicato a apoiar/participar) ou mesmo nas manifestações dinamizadas pelos sindicatos/federações docentes tradicionais (onde o S.TO.P. por diversas vezes participou).

A situação em muitas escolas no contexto da atual de pandemia tem gerado uma insegurança e insatisfação crescente.
Por isso, o S.TO.P. voltou a CONVIDAR todos os SINDICATOS/federações docentes para reunir, no sentido de discutirmos várias formas de luta possíveis (greve ou outras).

Este convite – enviado a 3 de novembro – a todos os sindicatos/federações docentes, continua, infelizmente, sem qualquer resposta positiva
(como os restantes + de 30 convites já enviados desde a formação do S.TO.P.).


Entretanto o S.TO.P. solicitou a bloguers da Educação (reconhecidos por milhares de colegas) para dinamizarem um INQUÉRITO independente, com o objetivo de apurar se os Profissionais da Educação concordam com uma GREVE para defender melhores condições de segurança (para si e os seus alunos) e a UNIFORMIZAÇÃO das formas de atuação perante casos de COVID-19 nas escolas de todo o país.

PARTILHA com mais Profissionais da Educação (pessoal docente e não docente): JUNTOS SOMOS + FORTES!